Canal

Trailer oficial do canal da UABPS criado por nosso responsável pelo canal do YouTube, ThyagoSub.

A outra Face da Pesca Subaquática

Além do portal os praticantes da Pesca Subaquática contam também com um canal no Youtube. Esse canal é muito importante, nesse espaço social divulgamos à sociedade ações e eventos criados por praticantes e grupos de pesca subaquática.

A pesca subaquática é mais que uma atividade de pesca, é uma filosofia de vida e aqui mostramos o outro lado da pesca subaquática, nossos projetos, nosso compromisso com a atividade e a nossa simbiose com o meio ambiente.

Ajude a divulgar o canal, esse movimento de desenvolvimento da Pesca Subaquática no Brasil depende do empenho de todos que amam a atividade!

Você tem um vídeo que possa colaborar com a imagem positiva da nossa atividade? Envie-nos uma mensagem no final desta página e entraremos em contato com você!

Pesca Subaquática e Repovoamento de Espécies

Existem diversos pescadores subaquáticos, associações e grupos realizando projetos de repovoamento de espécies marinhas.

Esses projetos enfrentam diversos problemas para a sua realização, qual envolvem legislação e política, e este espaço é destinado à apresentar esses projetos de forma a mostrar o quanto importantes são para o restabelecimento pesqueiro.

A imagem da pesca subaquática precisa ser descriminalizada, somos uma pesca sustentável, tiramos e repomos, e essa atitude precisa ser divulgada, pois essa modalidade faz parte do meio.

Na playlist abaixo você pode acompanhar os últimos eventos desse projeto que o Felipe Caranha de Ilhabela/SP já desenvolve há mais de 16 anos, e este ano ainda a UABPS participará e publicará aqui esse evento maravilhoso!

Pesca Subaquática e Consciência Ecológica

O pescador subaquático é a o ser humano com maior frequência de contato com o meio subaquático, são indivíduos com a filosofia de vida de consumir o que captura para não incentivar a indústria da pesca, que devasta a vida marinha.

Por desconhecimento e por influência da mídia ativista, a sociedade absorve uma imagem ruim dos praticantes dessa atividade, e por isso este espaço é dedicado à apresentar o outro lado da modalidade, a preocupação, o carinho e respeito que esses praticantes de pesca subaquática têm pelo meio ambiente.

Na playlist abaixo você pode acompanhar os últimos vídeos enviados para a UABPS com ações espetaculares de consciência ecológica realizada por grupos e praticantes da pesca subaquática.

Pesca Subaquática e Eventos Sociais e Beneficentes

O pescador subaquático é um competidor por natureza e tem o poder de organizar grupos de pesca para troca de informações sobre a atividade e de sucesso de suas pescarias, e grande parte das vezes esses grupos acabam se tornando ferramentas poderosas de divulgação e propagação de experiências.

Alguns desses grupos acabam virando associações esportivas que estabelecem regimentos e condutas, quais sobrevivem de eventos, exemplo de gincanas, rifas e campeonatos. O lucro de uma sociedade esportiva não é dividido com os sócios devido a natureza que foi estabelecida, então é revertida para melhoria da entidade e eventos sociais, além de eventos beneficentes. O mesmo ocorre com outros grupos de pesca subaquática que não são associações estabelecidas.

O pescador subaquático amador tem a sua própria profissão além da atividade, é apenas um indivíduo que busca em sem tempo de folga uma válvula de escape para o estresse do dia-a-dia, seja pescando ou crescendo espiritualmente.

Na playlist abaixo você pode acompanhar os últimos vídeos enviados para a UABPS com atitudes magníficas realizadas por grupos e praticantes da pesca subaquática.

Quer fazer parte destas playlists?

Registre seus eventos em vídeos e envie à UABPS, faça parte desse movimento que quer descriminalizar a atividade mais sustentável que existe, a pesca subaquática.

Entre em contato conosco pelo formulário abaixo ou pelo e-mail [email protected] informando detalhes sobre seu evento, data, local(Estado, cidade, região), o nome de quem gravou e/ou fez a edição das imagens.

Um comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *